Quarta-feira, 8 de Janeiro de 2014

assistencia médica

Tudo normal.
No estado em que funciona o SNS tudo pode acontecer, mas acontece também muita coisa por outras razões e não só pela falta de médicos.
Já agora pergunto eu: será que a ( IGAS ) com a abertura ou fechadura de um inquérito vai adiantar alguma coisa?
Não. Não vai e eu vou explicar porquê.
O caso que vou relatar é pessoal, mas embora eu não goste de falar de casos pessoais vou falar deste porque está relacionado.
Há cerca de 13 anos fui vitima de um AVC que me deixou ligeiramente afectado mas do qual não restaram mazelas.
No entanto, aconselhado por neurologistas iniciei um processo de vigilância da minha saúde mais intensivo.
Processo esse que passou a uma alimentação mais cuidada e um chek-up anual para controlo.
Isto a partir do ano de 2000.
Em 2005 nas consultas de medicina do trabalho foram-me detectados valores demasiado elevados de colesterol, trigliceridos, tensão elevada, etc,etc. pelo que fui enviado a consultas externas de nefrologia porque na medicina do trabalho desconfiaram que os meus rins não estavam bem derivado ao elevado valor da creatinina.
Aqui começa a incompetência de certos médicos.
Depois de serem por duas vezes pedidas consultas de especialidade em nefrologia ao meu médico de família, este entendia enviar-me acompanhado de credenciais para urologia porque para ele devia ser a mesma coisa.
Quando à 3ª vez fui enviado para as urgências de nefrologia o médico que me atendeu ficou admirado como é que eu ainda estava vivo, uma vez que os meus rins estavam a funcionar a 16% da sua capacidade e com reduzidas dimensões.
Fui emediatamente internado para fazer hemodiálise dada a urgência da situação.
Agora vem o resto.
Como eu tinha seguido o aconselhamento dos neurologistas e tinha efectuado exames complementares de diagnóstico com frequência, como é que esta situação tinha passado despercebida ao meu médico de família?
Juntei todos os resultados de exames complementares de diagnóstico que tinha efectuado durante os cinco anos anteriores e enviei junto com uma queixa para a (IGAS) e para a (OM) Ordem dos Médicos.
Até hoje e já lá vão quase sete anos não obtive a mais pequena resposta nem de um lado nem do outro.
Portanto inquéritos, quer sejam de quem forem são para as gavetas ou simplesmente nem são iniciados.
Hoje, sei que estou vivo graças à médica da medicina do trabalho que se preocupou em ir ao fundo da questão e me enviou para consultas e exames no momento certo.
O meu médico de família não foi chamado a prestar qualquer depoimento, e portanto a (IGAS) e a (OM) é como se não existissem.

publicado por lino47 às 13:56
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. O Professore Catedrático

. Professores.

. Dos fracos não reza a his...

. comentários

. A Guerra na Síria

. O eucalipto

. O meu patrão é rico

. Cavaco Silva

. O Marquês

. Amadeu Homem

.arquivos

. Agosto 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Outubro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Março 2013

. Junho 2010

. Maio 2010

. Junho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

.favorito

. Burla

blogs SAPO

.subscrever feeds